quinta-feira, 3 de maio de 2012

Entrevista para o History Channel.


Ontem, oito horas da manhã, ao chegar na Casa de Dom Inácio de Loiola me dirigi até a Livraria da Casa, a fim de pegar uma ficha de atendimento para revisão de cirurgia. No caminho, encontrei o obreiro Vinícius conversando com uma equipe de reportagem de TV. Parei e cumprimentei o Vinícius que ao me ver falou: "- Olha só! Ainda ontem pensei no senhor. E hoje, o senhor aparece aqui". Sorri diante da receptividade intuitiva do obreiro de João de Deus.


Ato contínuo, cumprimentei a equipe de TV e perguntei de onde eram. "- History Channel"! Respondeu com simpatia, a moça do jovem grupo. Fiquei surpreso com o destino, pois, sou muito fã do History. Em seguida a repórter me perguntou quem eu era e o que estava fazendo ali? Dois minutos após eu iniciar minha narrativa, Júlia, a repórter, perguntou se podíamos gravar. Prontamente, respondi que sim.

Resumi ao History minha história. Foram muito atenciosos. Pude relatar, com tranquilidade, a Júlia Nassif, Sebastian Menendez e Frederico Marion, as circunstancias que me trouxeram a Casa de Dom Inácio de Loiola. Ao término da entrevista entreguei um cartão de visitas à Júlia, dizendo que neste blog existiam várias postagens sobre minha experiência em Abadiânia.

Depois de concluir a entrevista ao History saí caminhando devagar, pensativo, considerando o encontro com os conceituadíssimos repórteres do famoso canal de TV à cabo, uma benção do Mundo Espiritual, ao lado da honra que é poder participar de uma programação de veiculação mundial, com edição de grande credibilidade.

Aroldo Medina

Nenhum comentário:

Postar um comentário