terça-feira, 10 de junho de 2014

Torcida brasileira politizada. Copa 2014.

Um colega de trabalho comentou que um amigo dele havia "investido pesado" na compra de souvenirs brasileiros (camisetas, canetas, chaveiros, bandeirinhas, etc) para revender na Copa. O amigo esta apavorado, com tudo "encalhado".

Outro colega entrou na conversa e disse que a rede de postos Ipiranga havia lançado uma promoção em que o cliente abastecia um número "x" de litros e "ganhava" uma bandeirinha do Brasil, pagando mais dez reais. Com o fracasso das vendas nesta promoção, os postos estariam agora dando as bandeirinhas de graça.

Semana passada visitei um colégio do ensino médio e vi uma camiseta da seleção brasileira exposta na secretaria, com uma plaquinha: "R$ 2,00 o número. Comissão de formatura do 3º ano". Puxei dez reais e pedi cinco números para colaborar com os formandos. A menina da secretaria me olhou com surpresa e ligou com entusiasmo para uma aluna do 3º ano que veio correndo e, eufórica anotou cinco números para mim, em uma folha de controle de vendas, praticamente em branco.

A esperança é a última que morre. Há previsão de mais de 30 mil argentinos e outros tantos mil turistas vindo para o Brasil. Vai que eles compram nossas lembrancinhas!!!


Aroldo Medina

Nenhum comentário:

Postar um comentário