quarta-feira, 23 de junho de 2010

Colégio Tiradentes de Santa Maria.





Merece destaque o Colégio Tiradentes de Santa Maria, sua direção, corpo de alunos, professores, pais e funcionários. Instalado dentro do complexo de prédios do 1º RPMon, está bem localizado e funcionando a pleno vapor.

O seu diretor, capitão Paulo Ramires Del Fabro, não esconde sua satisfação em falar dos projetos da escola brigadiana e do apoio que tem recebido da comunidade local para melhorar as instalações do seu estabelecimento de ensino. O laborátório é exemplar.

Os professores também estão bem contentes com o seu novo ambiente de trabalho. Transcrevo a seguir, algumas palavras do capitão Paulo Ramires, sobre este tema: "Aqui os professores dão aula com gosto porque todos alunos querem estudar. Eu digo isso porque minha mulher é professora e ela me diz que muitos dos seus alunos na rede pública, fora deste espaço de caserna, não querem nada com nada. Não querem estudar mesmo. Vão a aula porque os pais obrigam. Não estudam e ainda atrapalham os poucos que estão ali para estudar".

O testemunho do capitão é da maior importância para nos esmerarmos ainda mais em levar esta fórmula do ambiente do Tiradentes a outras escolas da rede pública do Estado.

Aliás, neste aspecto, como candidato a governador, em 2002, introduzi essa meta em meu Plano de Governo, abrir mais Colégios Tiradentes pelo Estado do RS. Embora não tendo sido eleito na ocasião, tenho convicção de ter lançado a semente que hoje frutifica. Fico feliz pelos pais dos alunos e pelos próprios alunos, entre eles a Caroline Antonello e o Dionatta Halle que ao lado dos seus colegas, transpiram felicidade na sala de aula, como pude constatar pessoalmente por estarem ali, naquela escola da BM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário